Política de prevenção do HIV deve priorizar os gays? Sim.

“Todo mundo tem o direito de se proteger da infecção por HIV. Todos também têm o direito de escolher a solução mais adequada às suas necessidades individuais.
(…)
Homens que fazem sexo com homens (HSH) precisam ter acesso a serviços de prevenção que se relacionem com essa comunidade. É nesse contexto que o uso de medicamentos antirretrovirais pode inclinar a balança em favor desses grupos.
(…)
Na verdade, já é hora de a comunidade gay mobilizar e reenergizar o movimento contra a Aids. Ela iniciou a luta para impedir que a epidemia de Aids fugisse do controle – coisa que o mundo finalmente conseguiu fazer. Agora a comunidade gay tem a oportunidade de acabar com a epidemia de Aids.”

Leia a reportagem da Folha de São Paulo:

http://www1.folha.uol.com.br/opiniao/2014/08/1494718-politica-de-prevencao-ao-hiv-deve-priorizar-gays-sim.shtml